quinta-feira, 18 de agosto de 2011

DIÁRIO DA LUA CHEIA - 05

Considerações sobre o Dia dos Vampiros, o Fantasticon 2011 e o lançamento do livro Jarbas


Amigos leitores,

É com satisfação que eu trago de volta ao blog a seção Diário da Lua Cheia, para relatar brevemente as minhas impressões sobre o Fantasticon 2011, onde ocorreu o lançamento do meu mais novo livro de lobisomem – Jarbas.

Como cheguei em São Paulo no início da manhã de sábado, dia 13 de agosto, aproveitei o fato de estar hospedado na Avenida Paulista e rumei para o MASP, onde estava acontecendo a concentração do Cortejo Vampírico organizado por Liz Vamp em comemoração ao Dia do Vampiro, evento já tradicional e que possui o elogiável objetivo de defender três bandeiras sociais: doação de sangue, luta contra o preconceito e incentivo à diversidade artística.





Na ocasião, além de doar alguns livros que foram distribuídos entre os participantes, também tive a oportunidade de reencontrar bons amigos – como Giulia Moon, Adriano Siqueira, Iam Godoy, R. Raven e Lord A – e também de conhecer pessoalmente escritores como Regina Drummond e o divertido Ghad Arddhu.









Durante a tarde estive no Fantasticon 2011, e voltei no dia seguinte, data para a qual estava agendada a sessão de autógrafos do livro Jarbas.

Quanto ao evento em si, o que posso dizer é que achei bem bacana. Havia muitos livros à venda por preços inferiores aos comumente encontrados nas livrarias, as palestras e oficinas estavam com temas diversificados e interessantes e o espaço físico da Biblioteca Viriato Corrêa também se revelou bastante apropriado, comportando perfeitamente a estrutura do simpósio e tendo ainda a seu favor a facilidade de acesso.



Mas, certamente o melhor de tudo foi a grande integração oportunizada pelo evento, uma vez que reuniu em um mesmo ambiente leitores, escritores, editores e os diversos segmentos da mídia direcionados à literatura fantástica. Particularmente, fiquei contente em poder reencontrar escritores como Alfer Medeiros e Gerson Balione, além de conhecer pessoalmente vários outros com os quais eu só havia tido contato através da internet, como Martha Argel, Duda Falcão, Cesar Silva, Marcello Simão Branco, Juliano Sasseron, André Vianco e as simpaticíssimas Celly Borges e Amanda Reznor.



Também pude finalmente encontrar o escritor e editor M. D. Amado, um cara que admiro bastante e com o qual eu já vinha mantendo uma relação de amizade desde muito antes de a Editora Estronho assumir a publicação do livro Jarbas. Situação semelhante ocorreu em relação a Renato Rosatti – editor do tradicional fanzine Juvenatrix e integrante do cast do site Boca do Inferno e do blog Infernotícias – com o qual eu já mantinha contato via internet há quase dez anos, mas com quem nunca havia me encontrado pessoalmente. Além de ser uma espécie de enciclopédia ambulante dos gêneros horror e ficção científica, Renato certamente é um dos caras mais legais que já conheci, e ter tido a oportunidade de passar algumas horas batendo papo com ele foi um dos pontos altos do final de semana.



Tratando mais especificamente do lançamento do Jarbas, o que posso dizer é que fiquei bastante satisfeito. Todo mundo com quem conversei elogiou a diagramação e a qualidade gráfica do livro (algo que já está se tornando uma marca registrada das publicações da Editora Estronho) e várias pessoas que adquiriram seus exemplares me disseram que se sentiram motivadas a comprar em função de já conhecerem o personagem central através dos contos publicados aqui no blog. Isso me deixou contente, pois a minha maior motivação para ter escrito um livro inteiro sobre o Jarbas foi justamente os constantes pedidos por parte dos leitores que apreciavam suas histórias e queriam vê-las aprofundadas em uma publicação impressa.





No final das contas, foi um final de semana excelente, do qual certamente guardarei ótimas recordações.

Aguardem para breve mais novidades sobre o livro Jarbas, inclusive datas de eventos de lançamento que irão ocorrer em outros estados.

Valeu!

terça-feira, 9 de agosto de 2011

RESSURREIÇÃO

Da série Minicontos Licantrópicos


Ele não tinha a menor idéia de quem eu era. Deve ter pensado que estava diante de uma mera patricinha esnobe que saiu da cidade grande para zanzar por uma terra de caipiras brucutus. Por isso se mostrou tão confiante quando me raptou na saída do bar, quando me violentou sobre a relva úmida e quando bateu na minha cabeça com a chave de rodas que retirou com um sorriso de escárnio do porta-malas de sua lata velha. Embora estivesse desacordada, posso imaginar que foi com aquela mesma expressão asquerosa que ele me enterrou no meio do mato. Tudo isso aconteceu ontem, e o caipira nojento não faz idéia da sorte que teve. Afinal, ainda não era noite de lua cheia.
Porém, sua sorte acabou. Neste exato momento a lua começa a despontar no horizonte, e eu já pude sentir o seu poder ainda enquanto estava debaixo da terra, reunindo as forças necessárias para voltar à superfície.
O fedor daquele porco imundo está impregnado nas minhas roupas e na minha pele. Não será difícil rastreá-lo. Enquanto a metamorfose se processa, ergo a cabeça para o alto e emito com prazer um uivo longo e potente. Meu último pensamento articulado é a convicção de que, ao amanhecer, o nosso mundo ordinário será um lugar um pouco melhor. Haverá um estuprador a menos para espreitar mocinhas indefesas em meio às sombras da noite.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Promoção: Ganhe um exemplar autografado do livro JARBAS!


Prezado leitor,

Para marcar de forma divertida a publicação de JARBAS - meu mais novo livro de lobisomem que será lançado durante o Fantasticon 2011, no dia 14 de agosto em São Paulo - decidimos realizar uma rápida promoção que dará ao ganhador um exemplar autografado.

Para participar é muito fácil: basta ser seguidor aqui do blog Escrituras da Lua Cheia e deixar um comentário na comunidade do livro no Orkut, mais especificamente neste tópico.

O sorteio será realizado no dia 11/08/2011 e o ganhador poderá retirar o seu exemplar diretamente com o autor no Fantasticon ou optar por receber o livro pelo correio.

Atenção: se o sorteado não for seguidor do blog Escrituras da Lua Cheia, será realizado outro sorteio para definir um novo vencedor. É imprescindível, para ganhar o exemplar, que o sorteado seja seguidor do blog e tenha deixado um comentário no tópico da comunidade no Orkut (basta um único comentário; comentar mais de uma vez não aumenta as chances de ser sorteado).

Ah, vale lembrar que além do exemplar o ganhador também vai levar dois marcadores personalizados com ilustrações do livro e um botom colecionável, cortesia da Editora Estronho.

Fiquem atentos ao prazo, é só uma semana.

Boa sorte a todos, e cuidado com a lua!

\o/